Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Inspiration Lab

Pintemos o nosso futuro com as cores da alegria

Sou incapaz de compreender a nossa fixação com o passado. É nele que nos fixamos, tanto para o melhor como para o pior. Aparentamos ter uma incapacidade incontrolável de prosseguir com a nossa vida, não conseguindo deixar os erros do passado nos tempos aos quais pertencem. Parecemos também ser incapazes de aceitar que o melhor ainda pode estar para vir. Porque apesar de passarmos a vida a torturar-nos com as falhas cometidas nos tempos que já lá vão, simultaneamente acreditamos que nunca seremos tão felizes como um dia fomos.
Parecemos encarar a vida como se fosse um livro já escrito, e tomamos como dado adquirido que este nos reserva sempre o pior para o próximo capítulo. Parecemos não entender que a vida é uma tela completamente em branco, e que nos cabe a nós preenchê-la com a obra da nossa vida, pintando-a com as cores da alegria, do sucesso, da realização pessoal, do amor.
Porque o melhor dia da nossa vida é o amanhã. Aquele que ainda não vivemos, que é ainda uma autêntica incógnita, um mistério para nós. Porque, nesse dia, nada é certo, nada é garantido. Nesse dia, todos os nossos sonhos são concretizáveis e os objetivos alcançáveis. É o dia em que somos mais livres do que nunca, o dia em que nada nos impede de mudar o rumo da nossa vida, o dia em que podemos ser os heróis na nossa história.
Então porque não tentamos? Porque tomamos o nosso futuro como fracasso garantido? Porque nos deixamos cegar pelas nossas incertezas e inseguranças? Quando iremos entender que são essas ideias pessimistas pré-concebidas que, sim, destroem as nossas perspetivas de futuro? Que nos afastam do sucesso, que nos colocam mais longe dos nossos objetivos, que nos cortam as pernas? O insucesso pode surgir por tantas razões tão diferentes, muitas delas que não podemos controlar. Então porque aumentamos as possibilidades de as coisas correrem mal, tornando-nos nos nossos próprios obstáculos?
Sejamos, então, melhores para nós próprios. Não tomemos a desgraça como garantida. Porque quando olhamos para a vida com o olhar da esperança, ela ganha outra cor. Quando acreditamos com todas as forças do nosso ser em todas as coisas maravilhosas por nós realizáveis no dia de amanhã, ficamos mais próximos de as realizar. Porque o otimismo relativamente aos dias que ainda estão para vir não é um pensamento ocasional. É uma maneira de encarar a vida. E de a viver melhor. E quando vivemos melhor, não é só a nossa vida que melhora. As dos que nos rodeiam também melhoram. E muito.

Luísa

"No fundo, todos temos necessidade de dizer quem somos e o que é que estamos a fazer e a necessidade de deixar algo feito, porque esta vida não é eterna e deixar coisas feitas pode ser uma forma de eternidade." - José Saramago

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D