Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Inspiration Lab

Abandono de Animais

Penso muito sobre isto e sinceramente não consigo entender. Porque é que alguém adotaria/compraria um animal para depois o abandonar, se necessitasse de ir de férias ou se se fartasse dele? Também fazem isso com os vossos filhos?

Não quero estar para aqui a escrever um longo texto moralista, mas há coisas que me revoltam. Vi num sítio qualquer que 1 em cada 30 animais de estimação é abandonado quando os donos vão de férias. Olhando por alto, até pode parecer pouco, mas se formos pensar que não são 30 animais de estimação que existem no nosso país, mas sim muitos milhares e fizermos contas à vida já não são assim tão poucos, pois não?

Pergunto-me se gostaria de ser abandonado(a) no meio da rua, sem comida, sem carro, sem casa. Isto tudo só porque quem costumava olhar por si foi passar uns diazinhos no Algarve e não esteve para se chatear.

 Manda-se o Tobias dar uma permanente voltinha, espera-se que o bóbi não morra atropelado e no final das férias, se assim apetecer, arranja-se outro cãozinho. É assim que pensam?

Estou a escrever isto e nem nunca tive um único animal de estimação nem pretendo ter num futuro próximo. Para ser sincera, nem sou a maior amante de animais deste mundo. Mas tenho dois dedos de testa e sei distinguir um cão de uma árvore, um gato de um pisa-papéis. Sei que um animal sofre, um animal sente, um animal merece ser feliz e desfrutar de todo o amor e carinho que nós, seres humanos (por muito que às vezes não o pareçamos) temos a oferecer. Sei que os animais são criaturas bem mais puras do que nós e que, se eventualmente magoarem alguém, isso deve-se ou à educação que tiveram ou ao seu instinto protetor e não porque são 'bichos maus'.

Por isso lembrem-se, por favor, que o cãozinho lindinho que vêem na montra da loja dos animais vai crescer, dar mais trabalho, custar mais dinheiro e ocupar mais espaço. Lembrem-se que, ao adotarem um animal estão a oferecer-lhe um lar para sempre, e não até às próximas férias de verão. Se na teoria a ideia vos parece muito apelativa mas na prática não assim tanto, se não têm a certeza se não se vão fartar do bicho depois de ele deixar de ser novidade, então mais vale ficarem quietinhos, porque depois de vocês mais pessoas vão passar por aquela montra e uma delas vai ser a correta para acolher o animal que tem direito ao carinho que muitos não lhe dedicam.

Pensem antes de adotar para mais tarde não pensarem em abandonar.

 

2 comentários

Comentar post

Luísa

"No fundo, todos temos necessidade de dizer quem somos e o que é que estamos a fazer e a necessidade de deixar algo feito, porque esta vida não é eterna e deixar coisas feitas pode ser uma forma de eternidade." - José Saramago

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D